Ilha do Cardoso nosso 1° Destino do Turismo de Valor

Chegamos em Cananéia SP com a vontade forte em conhecer a Ilha do Cardoso, afinal eu li tanto sobre a Ilha que estava mais preocupada em “fugir” logo pra lá do que ficar em Cananéia onde havia menosprezado o turismo e a cidade….bom esse assunto deixarei para os próximos capítulos.

Sabe, como quase todo o Brasil o turismo não é bem explorado mas o turista infelizmente sim, então para sairmos de cananéia rumo a Ilha do Cardoso de barco é meio salgado o preço, ainda mais quando se viaja na baixa temporada onde as escunas quase não existem e a solução em Setembro seria irmos de lancha/voadeira ao custo de R$120,00 por pessoa , onde apenas a Elis de 5 anos não pagaria.

Bom, a partir dessa situação ao chegarmos em Cananéia demoramos uns bons dias para conseguirmos encontrar uma solução mais em conta e criativa para irmos até a Ilha do Cardoso, após perguntar muito e nos misturamos com o caiçaras (que por sinal são muito simpáticos acessíveis) encontramos a solução!

Iríamos de ônibus até a ILHA!!! Ops até a Ilha não mas até muito próximo dela, saca só a dica; do centro de Cananéia, para ser mais precisa da praça central de eventos sai todos os dias de segundo a sexta-feira às 15h30 um ônibus municipal/circular GRATUITO em direção ao bairro do Ariri.

Arriri é um bairro localizado na parte do continente de Cananéia e está praticamente na divisa com o Estado do Paraná.
Então exatamente às 15h30 pegamos o ônibus em direção a conhecer até que enfim nosso primeiro destino do turismo de Valor a Ilha do Cardoso, ah, detalhe: um dia antes nossa matéria do homeschooling (educação Domiciliar) com as meninas foi estudar a localização, a fauna e a flora da Ilha do Cardoso.

Bem não sei se conseguirei te escrever a sensação de estarmos dentro desse ônibus com a comunidade local, era tudo muito engraçado e cheio, não cheio apenas de pessoas mas também de mantimentos que os moradores dos bairros rurais de Cananéia, como os bairros do Mandira, Ariri e outros precisavam levar para suas casas e até para seus pequenos comércios locais.

O mais divertido foi conversar com eles, conhecermos um pouco de suas histórias, afinal a duração total até o Ariri eram de 4 horas! Apesar da estrada buraquenta a visão da mata atlântica e do pôr do sol valeu demais a pena e a batição do bumbum e das costas no banco duro e desconfortável, as meninas por sinal dormiram quase todo o trajeto.

Chegamos no Ariri às 19h30 aproximadamente onde já fomos certo conversar com um rapaz chamado Rodrigo ue tem lancha para fazer a travessia para nós, essa indicação pegamos conversando dentro do ônibus com moradores locais.

Atravessamos de lancha de noite com um custo total de R$60,00, muito frio mas a vista sombria e estimulante, com uma mistura de ansiedade para chegarmos em nosso destino que naquela hora era a Pousada Recanto Marujá ( do beto).

O QUE VOCÊ ACHA? ESCREVE AÍ PRA GENTE!

comments

About The Author

Erika Prado

Curiosa, Mãe, Aprendiz, Turismóloga, Especialista em Construção de Negócios Digitais, apaixonada pela internet, por novas ideias, e pela vida!

QUEM SOMOS

Olá, somos Érika, Valmiro, Mallu, Elis e Princesa - Decidimos viver de forma diferente da maioria das pessoas e deixar nossas rotinas de uma vida fixa e limitada geograficamente para Viajar o Mundo a Longo Prazo, começando por nossa cultura, pelo nosso Brasil! ...e ainda DOCUMENTAR os fatos mais incríveis gravando VÍDEOS para o Youtube para compartilhar com você nossas experiências de toda essa MARAVILHOSA Expedição de volta ao Mundo! 

INSCREVA-SE NO CANAL


OUÇA AGORA

NAVEGUE POR AQUI

Comece Você também seu Negócio Online

ACEITAMOS DOAÇÕES

Você pode Doar qualquer Valor
Clique Abaixo!