Festival Diamantino de Circo no ❥ da Bahia…ano que vem estaremos lá!

Festival Diamantino de Circo no ❥ da Bahia…ano que vem estaremos lá!

O Festival Internacional Diamantino de Circo, único Festival de Circo da Bahia, é uma ação conjunta da Associação Cultural Hindi Produções em cooperação com o Circo do Capão e a Grande Família de Artistas e Amigos da Arte do Vale do Capão. Além do foco artístico-cultural, o evento busca despertar e sensibilizar um maior respeito com o meio-ambiente e com o próprio ser humano.  O evento é realizado com uma produção colaborativa, acreditando no circo como circular, símbolo que reúne várias artes, ideias, ações e sonhos para um mundo melhor onde se viver.

Esse ano não conseguiremos estar lá, mas no ano que vem o Festival fará parte da expedição do Turismo de Valor Brasil 360°

O Festival nasce junto a uma filosofia que norteia todas as suas ações e ideais, acreditando que a arte e a cura caminham juntos, a arte circense como ferramenta que pode ser utilizada para sensibilizar pessoas e pulsar por uma sociedade mais consciente. Para isso todas as suas ações são desenvolvidas com esse foco, alguns exemplos: todas as apresentações são familiares, o critério é a magia, a pureza, a qualidade técnica e principalmente a mensagem a ser passada. Além do foco artístico-cultural do Festival, busca-se por meio de ações conscientes despertar um maior respeito para com o meio ambiente e com o próprio ser, como utilização de material reciclado para realização da decoração, cartazes informativos, não venda de bebidas alcoólicas dentro do evento, alimentação natural e integral para os artistas, técnicos e produtores, coleta seletiva do lixo, recolhimento do lixo na rua durante o cortejo, produção colaborativa, realização de oficinas e espetáculos em regiões próximas carentes, entre outros, acreditando que o circo, circular, símbolo que reúne várias artes, também reúne ideias, ações, sonhos, a arte como um todo, integrado, nos tornando protagonistas de fazer do mundo um lugar melhor de se viver.

 

 

 

As ações do Festival são as seguintes:

Cortejo – sai do Circo do Capão e vai até a Vila no Vale do Capão, marcando a abertura oficial do Festival, onde participam os artistas convidados e a comunidade local, numa grande celebração. Essa ação conta com uma temática ambiental, pois os artistas vão coletando todo lixo encontrado pelo caminho, deixando como presente para a comunidade a rua principal  LIMPA!
 

Oficinas – por meio dessa  ação  busca-se  proporcionar  aos  participantes do  Festival  referências,  informações e técnicas que auxiliem os artistas e  aprendizes, ferramentas e conhecimentos úteis ao seu dia a dia, enquanto profissional da arte ou cidadão. As oficinas são divididas em níveis iniciante e avançadas, com o intuito de alcançar e favorecer vários públicos. Acontecem em diversas partes do Vale do Capão: Circo, Escolas, Lothloren, Espaço de Cultura Jaqueira e Rufino Rocha.
Mesa Redonda – tem a proposta de trazer profissionais reconhecidos da arte circense para enriquecer e contribuir com a formação artística e profissional dos participantes do Festival, além de proporcionar um contato mais direto com referências importantes desse universo.
 

Roda de Prosa – surgiu da necessidade dos participantes do Festival se conhecerem melhor, num formato informal, artistas, técnicos, gestores, produtores e interessados reúnem-se para trocarem informações, ideias, pontos de vista, ou apenas para se apresentarem e conhecerem melhor o trabalho um do outro.
 

Noite de Fogo – acontece na noite de sexta-feira, sob uma coordenação específica reúne artistas com performance de malabares de fogo e música ao vivo para apresentarem um espetáculo na área externa do Circo do Capão.
 

Palco Aberto – um espaço pensado para os artistas que não estão na programação oficial do Festival possam se apresentar no evento. Abre-se uma inscrição uma semana antes para números, onde a coordenação desse momento monta e organiza os participantes de acordo com sua própria  proposta artística.
 

Jogos Circenses – na tarde de domingo todos são convidados a participarem dessa brincadeira, construindo um ambiente descontraído e engraçado, adaptando técnicas circenses à técnicas esportivas e circuitos competitivos, como vôlei clave, quem fica mais tempo na parada de mão, quem equilibra mais tempo uma clave no nariz, entre outros.
 

Apresentações de Rua – tem como proposta valorizar a arte circense que é feita na rua e atingir um público mais diversificado. As apresentações acontecem na Vila no Vale do Capão, e nos povoados próximos (ao Vale), Guiné, Campos de São

João, Lagoa da Boa Vista e centro da cidade de Palmeiras.
 

Apresentações de Lona – Números e espetáculos variados que ocorrem dentro do Circo do Capão
Grupos Musicais – momentos de descontração para os artistas e público, onde serão convidados artistas da região, como uma forma de valorizar e difundir a cultura local.

APOIE AQUI https://benfeitoria.com/IVfestivaldiamantinocirco

PROGRAMAÇÃO 2017: http://www.festino.info/programacao 

​Espero que tenham gostado dessa DICA de Valor , de pessoas que geram valor para a vida de outras pessoas e comunidades inteiras!

Abraços, 

Érika

O QUE VOCÊ ACHA? ESCREVE AÍ PRA GENTE!

comments

About The Author

Erika Prado

Curiosa, Mãe, Aprendiz, Turismóloga, Especialista em Construção de Negócios Digitais, apaixonada pela internet, por novas ideias, e pela vida!

QUEM SOMOS

Olá, somos Érika, Valmiro, Mallu, Elis e Princesa - Decidimos viver de forma diferente da maioria das pessoas e deixar nossas rotinas de uma vida fixa e limitada geograficamente para Viajar o Mundo a Longo Prazo, começando por nossa cultura, pelo nosso Brasil! ...e ainda DOCUMENTAR os fatos mais incríveis gravando VÍDEOS para o Youtube para compartilhar com você nossas experiências de toda essa MARAVILHOSA Expedição de volta ao Mundo! 

INSCREVA-SE NO CANAL


OUÇA AGORA

NAVEGUE POR AQUI

Comece Você também seu Negócio Online

ACEITAMOS DOAÇÕES

Você pode Doar qualquer Valor
Clique Abaixo!